Previsão do Tempo
Tempo em
Ampére

º | º

PRODUTORES DE AMPÉRE COLHEM A SEGUNDA SAFRA DE UVA

Publicado em

Nestas últimas semanas alguns produtores de uva do município, intensificam os cuidados finais para iniciar a colheita da segunda safra. Poucos sabem desta safra extra, chamada de “safrinha”, realizada depois da colheita principal entre os meses de dezembro e fevereiro.

Segundo a Secretaria de Agricultura, a segunda safra já é viabilizada pelo terceiro ano consecutivo e torna-se possível devido uma série de cuidados específicos com as plantas. Através da adubação pesada do solo, repondo todos os minerais e nutrientes que a planta necessita e também dos tratamentos fitossanitários para evitar proliferação de fungos e demais patologias, todo este acompanhamento é feito pela equipe da Secretaria de Agricultura de Ampére e o Instituto de Desenvolvimento Rural (antiga EMATER).

Apesar de a segunda safra ser considerada menor em comparação à outra colheita, estima-se uma produtividade de 8 toneladas por hectare neste ano. Quanto as variedades produzidas, temos a uva Vitória e a Niágara que são uvas de mesa para o consumo in natura e a Bordô que é mais utilizada na indústria para produção de sucos e vinhos.

As uvas de mesa começaram a ser colhidas no dia 20 de abril e no próximo mês iniciará a colheita para a indústria, parte da produção será processada pela COOPEVI – Cooperativa Amperense dos Produtores de Vinho) e a outra parte será comercializada pelos produtores nas propriedades. Os principais produtores da segunda safra são as famílias Kielbowikis e Oleias, ambos residentes da Linha Santa Rita.

O município já é referência na produção de uvas há alguns anos, possuindo a maior área plantada com aproximadamente 15 hectares, apresentando um grande número de produtores, totalizando 36 famílias, sendo que algumas têm o cultivo de uvas como principal fonte de renda.

Produção de Uva Niágara da Família Oleias

Vladimir Pelissari técnico da Secretaria de Agricultura de Ampére e família Kielbowikis

Produção Uva bordô da família Kielbowikis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *